Às vezes ir embora é a decisão mais certa para você


por um momento eu me questionei: como pode ser amor se estou abrindo mão? como posso amar alguém se estou tendo que ir embora? 

a resposta veio quando olhei pro espelho e pra dentro de mim: 

a gente vai embora não por deixar de amar alguém, mas pra não perder o amor por nós mesmos. ninguém dorme amando alguém e acorda deixando de amar. a distância, a falta, a irresponsabilidade, tudo isso machuca. essas coisas afastam o amor. e aos poucos ele se transforma em algo que não vale mais a pena ser sentido ali. naquela relação. com aquela pessoa. então você parte. mas não por essa ser a sua vontade, e sim, por parecer ser a coisa mais certa.

é que quando você descobre a leveza que o amor é capaz de proporcionar na tua vida, de dentro fora do teu corpo, você entende que não precisa se submeter a qualquer relação que te tire a paz. e é por isso você vai embora. mesmo amando.


e é assustador quando chega o momento em que você percebe que não ama mais aquela pessoa que por tanto tempo, achou que fosse o amor da sua vida. ou pior, que ainda ama, mas não dá mais. é incrível como as coisas mudam, como o amor muda, nem sempre a gente fica com ''o amor da nossa vida'', um dia a gente percebe que amores da vida não doem.

e você vai entender o significado do amor quando precisar recolher o seu e seguir a sua viagem. sozinho. mesmo sem deixar de querer, mas precisar não querer mais porque dói ficar, dói querer, dói continuar amando aquela pessoa. a dor de partir parece melhor. e às vezes é.

Chega uma hora que você só quer estar sozinho


chega uma fase da vida que você só quer estar sozinho e apreciar a calmaria de estar com a sua própria companhia. 

você não quer bagunça, não quer estresse, não quer perder tempo com gente mal resolvida. chega uma hora que você só quer ficar na sua, porque as pessoas cansam, e em algum momento você se cansa de se importar tanto também. 

é bem melhor colocar suas séries em dia que tentar ser relevante pra alguém que pouco se importa pro que você sente. é melhor cuidar das plantas, ler um livro novo, assistir alguns desses vídeos engraçados durante a madrugada. é melhor você acordar, olhar pela janela e pensar no quão grande o mundo é, e você precisa provar muitos sabores e lugares ainda. sozinho. porque não existe problema em estar só. 


você pode sair de si quando de vez em quando, mas com a certeza de que é pra lá que você tem que voltar quando o outro for embora. porque quando você reconhece que você mesmo é o seu abrigo, nunca mais você se abandona pra insistir em entrar na vida de ninguém. 

eu por exemplo, não desisti de encontrar alguém interessante, alguém pra rir dos meus desastres e provar os meus gostos mais estranhos, alguém pra contar sobre os seus planos e dividir comigo suas frustrações, alguém que eu pense antes de dormir e desperte no dia seguinte desejando que acorde tão bem quanto eu. eu não desisti do amor, muito menos de encontrar alguém que eu consiga enxergar afeto. 

eu só não procuro mais esse alguém. porque pra mim não é mais uma necessidade. se tiver que encontrar, tudo bem. se não, eu tô bem sozinho também.

Tá tudo bem você ficar sozinha(o) agora

tudo bem você não se envolver com alguém neste momento. tudo bem você não seguir em algo quando você sente que não vai conseguir ficar. tudo bem você não permanecer por medo das experiências devastadoras de suas ultimas relações. 

eu sei que a gente não precisa fugir das pessoas por medo de se envolver, e que não é bom se fechar pro amor por medo de senti-lo ou pela incerteza de não saber a quem você está entregando os seus sentimentos. mas eu sei também que é um erro achar que o outro pode curar nossas dores e afastar os nossos medos. você sabe que é um erro pensar que alguém novo vai conseguir apagar as lembranças de outro que passou como um trator pelo teu peito. 

às vezes a gente só precisa de um tempo sozinho. pra parar um pouco, racionalizar um pouco nossas emoções, cuidar da gente e recomeçar, porque a gente é o nosso próprio ponto de partida. não o outro!

porque alguém que chegou agora não vai te fazer esquecer um amor de tanto tempo. porque você não vai superar o fim das coisas achando que só precisa de um novo começo com uma outra pessoa. 



então tá tudo bem.

tá tudo bem você pensar em se afastar quando começar a sentir que alguém está se apaixonando por você, ou quando algo dentro de você, te incomoda em vez de te acalmar. se você não está preparado, tudo bem não querer. eu só te peço pra dizer ao outro quando não estiver mais a fim, não por obrigação, mas por respeito.

e você não deve se culpar. se orgulhe por você não ser perfeita. por às vezes ter medo. por pensar tanto nas suas marcas a ponto de não querer viver novas sensações por medo de colecionar mais alguns machucados. por às vezes não conseguir não se importar com seu passado, e senti-lo doer tanto a ponto de conviver como se ainda fosse presente.

você só não está pronta agora. e é melhor assim. é melhor que você reconheça esse momento. saiba que você está sendo sincera com o outro, e mais que isso, consigo mesma. 

porque só você sabe o peso que carrega.
e ninguém precisa te julgar.
todo mundo, em algum momento, 
vai fugir de alguém por medo de ficar.

Seja o amor da sua vida.


aos 17, amei pra caralho uma pessoa. achava que era o amor da minha vida até essa pessoa se transformar em alguém que machucava a minha vida. aos 22, me apaixonei. achei que poderia ser o amor da minha vida. foi só mais uma decepção pra coleção. aos 26 já reconheço que o amor da minha vida sou eu. sempre foi.

eu que sempre procurei nos outros alguém pra me acolher, pra ser afeto, me apoiar, ser morada. um sinal, um sentimento, uma reação que me fizesse ter a certeza de que encontrei o amor da minha vida, quando na verdade, o amor da minha vida era eu.


tenho certeza. o amor da sua vida é você mesmo. a gente precisa aprender a se aceitar, a se acolher, abraçar, se respeitar, se tratar com carinho e olhar pra gente com mais perdão e menos culpa. quando a gente entende que o amor da nossa vida, tá na gente, tudo fica mais leve.

então quando você se maltratar porque alguém se foi, tente se olhar com mais afeto. quando você se culpar porque algo acabou, olhe pra si mesmo com mais cuidado. quando pensar em procurar nos outros o amor ideal pra ti, pare um pouco e perceba o que o amor tenta te dizer.

às vezes ele tá aí, mais próximo do que você imagina, em você, querendo te dizer que ele te ama, que ele te quer e que às vezes você só precisa parar com essa teimosia querer encontrar nos outros aquilo que está aí dentro, só você não percebeu ainda.

o amor mora em você!
e quando digo que você é o amor da sua vida,
é porque sim, você é!
sempre foi. sempre vai ser.
os outros são complemento.

Recebidos de agosto: as três marcas que mais amei

Recentemente recebi vários mimos e até postei lá no instagram falando um pouco sobre todos os produtos que recebi. Mas como vocês me pediram um post especial, então resolvi apresentar pra vocês as três marcas favoritas que me enviaram brindes neste mês agosto. 

1.Papelaria Cícero, me enviou um kit com vários sketchbooks e cadernetas, além de uma ecobag e um porta cartão da coleção PANTONE. O mais legal é que os produtos são produzidos a mão, lá em São Cristovão, na cidade do Rio de Janeiro. 

Pra mim, que estou sempre viajando e sou viciado em anotar as minhas inspirações, ideias para novos textos e projetos, o kit da Cícero + Pantone vai me dar esse empurrãozinho.


Eles produziram o kit em várias cores, tem também estojos e necessaire, e vocês conseguem adquirir ou ver outros produtos clicando aqui.

2. Soupop enviou um kit com vários produtos da loja, duas camisetas e dois quadros maravilhosos, e logo que abri a caixa já fui vestindo as camisetas e colocando os quadros na parede do quarto, vocês precisam conhecer!

Separei pra vocês as estampas das camisetas que mais amei:


O mais legal é que as estampas de todos os produtos da loja são feitas por vários artistas, muitos independentes. Além de camisetas e quadros, no site tem também posters, canvas e porta-retratos em várias categorias: geek, filmes e séries, humor, memes e outros temas. Se você ama cultura pop, você vai enlouquecer com tantas ilustrações criativas.

Usando o cupom de desconto: IANDEPOP na hora da compra, você consegue um desconto de até 40% além do desconto do produto, então corre pro site!






Tem muito mais no site da Soupop. Para ver as outras estampas da loja, é só clicar aqui. E para ver os quadros e molduras, só chegar clicando aqui.


3. Vocês que me acompanham pelo instagram, sabem que eu amo uma praia, não é? A Take Clothings me enviou um kit com três shorts, que além de super estilosos, são mega confortáveis para dias quentes. E é claro que como um nordestino raiz já usei nas praias do litoral, o tecido é bem agradável e seca muito rápido. Me apaixonei pelas estampas.
No site da Take tem um catálogo com vários outros shorts, são muitas estampas e algumas estão até em promoção. Eles também estão no instagram e são bem acessíveis!

Para me enviar algum presente ou cartinha:
CEP: 50721-430
Av. Mário Álvares Pereira de Lira, 84 B
Bairro: Cordeiro
Recife - PE


E ah, se você quiser ficar por dentro de tudo o que recebo, da minha agenda, dos projetos, textos e muitos mais, me segue lá no instagram 
@iandealbuquerque! Beijo!