A saudade não vai me fazer voltar.

21:40:00 Iandê Albuquerque 2 Comments

Hoje eu consigo enxergar que esse amor que você dizia sentir por mim sempre foi maquiado de abuso. A tua admiração por mim sempre foi encoberta pelo orgulho, teu afeto pelo egoísmo, teu carinho pelo interesse, tuas desculpas pelas suas mentiras. Cê nunca conseguiu me perceber e eu sabia que você só iria me enxergar quando se fodesse na vida, quando percebesse que tinha me perdido e não iria me ter nunca mais, quando notasse a minha ausência doendo em você como saudade apertando o peito. Eu sabia que um dia você iria se tocar e perceber a merda que fez, porque enquanto me tinha só me maltratava, xingava e me botava pra trás. Agora que não me tem mais você me pede pra voltar, mas já é tarde demais pra isso.

Resta te dizer que a minha ficha demorou mas finalmente caiu. Resta te dizer que eu vou sair pra caralho, conhecer gente que valha a pena e lugares bacanas pra passar o tempo. Eu vou continuar na batalha pra realizar todos os meus sonhos e alcançar os meus planos. Eu posso até sentir falta de você em algum momento, mas isso vai passar rápido. Só quero te dizer que eu vou continuar a minha vida da minha maneira, mesmo querendo que você estivesse dentro dela, eu sei que não posso e nem devo te incluir porque você, infelizmente, foi infeliz demais. Escolheu errar quando poderia acertar, preferiu o caminho mais curto e me machucar.

Eu queria poder estar contigo, ter orgulho de te apresentar aos meus amigos, ter o prazer de fazer de realizar coisas ao teu lado, mas eu sei que nada disso é possível agora. Não faz mais sentido eu estar ao teu lado, entende? E por mais que me doa te dizer isso, decidi te tirar da minha vida. Andei sentindo tua falta. Por um momento pensei em te aceitar de volta, mas a vida logo me passava na cara que eu mereço alguém melhor. Andei querendo estar contigo, dormir ao teu lado assistindo algum filme e no silêncio do quarto, ouvir a tua respiração. Andei querendo te dar as mãos novamente e permitir, mais uma vez, que você seguisse comigo por aí, pra qualquer lugar que me trouxesse a paz que o teu sorriso um dia me trouxe, mas logo a vida me mostrava quem você se tornou. Alguém que deixou de me trazer paz pra ser confusão. Dói ver que foi a você que eu me dei por completo, você conheceu meus sonhos, meus planos, meus medos e receios, eu te contei sobre minhas decepções, minhas fraquezas. Te dei meus gestos, meus gostos, pra quê? Pra no final de tudo você me fazer duvidar de tudo?

Não faz mais sentido te dar as mãos e permitir que você seja a minha bussola, minha direção, meu conforto nos dias difíceis, porque você não é mais o meu ponto de equilíbrio, é difícil pensar assim, mas você deixou de trazer conforto e se tornou um problema, entende?O máximo que você consegue ser é um erro e dói pensar que quando te vi pela primeira vez, tive a sensação de que você seria a pessoa que me faria feliz, a pessoa que eu teria ao meu lado pra sempre, mas agora eu consigo perceber que não é você, e se um dia foi, hoje deixou de ser.

Leia também:

2 Comentários:

Rafaela disse...

Moço bonito, que saudade eu estava dos seus textos haha seu dom continua incrível e sua escrita impecável! continue... bjs :*

Jessica Brena disse...

Belas palavras moço ! Uma pena não poder concerta um erro cometido 😫