Desabafos e conselhos: Ele chegou, brincou, fez o estrago que queria e partiu.

19:59:00 Iandê Albuquerque 2 Comments


O DESABAFO:
Nossa história começou meio de repente, em uma hora ele estava comentando as minhas fotos, na outra nós já estávamos conversando como se fossemos velhos amigos. Ele passou a chamar meus pais de sogros e eu não me importei, na verdade eu passei a gostar da ideia de apresentá-lo a minha família. Em pouco tempo ele entrou em meu coração, foi tão rápido feito uma estrela cadente. Ele remendou o meu coração que a muito já vinha quebrado. Ele fez eu me esquecer daquele que por muito tempo habitava os meus pensamentos, fazia parte da minha vida. Mas, da mesma maneira que ele apareceu igual a estrela, ele desapareceu. Não atendia mais as minhas ligações, não respondia mais as minhas mensagens. Eu comecei a desconfiar, principalmente por ele ter me bloqueado do Facebook. Foi aí que eu tive a resposta que tanto esperei, ele tinha voltado com a ex. E olha que ironia a vida não é, aquele que me disse que não tinha nem chances de voltar com ela, estava lá com aquela que ele tanto evitou, com aquela que já não fazia mais parte da vida dele. Minhas amigas dizem que ele não me merece mais, mas eu não consigo ficar com raiva dele, sabe? Ele chegou, brincou, fez o estrago que queria e partiu, simples assim. Mas eu não consigo parar de pensar nele, mesmo depois de tudo que ele me fez. Ele é como uma droga, quanto mais uso, mais vicio. Eu perdi aquele que pensava ser o grande amor da minha vida. E hoje eu estou tão machucada que já não sei se consigo amar outra pessoa. As pessoas me chamam de rainha do gelo, mas foi necessário construir uma barreira em volta do meu coração. Eu acho muito difícil alguém conseguir quebrar a barreira que levantei em volta de mim. Hoje ele veio cheio de carinho, mandando mensagens, me chamando de amor, e eu como uma boa pessoa lhe respondi. E olha, quando eu vi o nome dele a tela do meu celular, o meu coração disparou, minhas mãos suaram e as famosas borboletas apareceram. É não vai ser tão fácil esquecer ele, como eu imaginava! - L.A

A RESPOSTA: 

Sabe moça, algumas pessoas não merecem o nosso tempo. E talvez, ele seja esse tipo de pessoa, é só você acreditar nisso e tirar ele da sua vida. Se desfaz de toda lembrança que ele te trouxe, menina. Eu sei que dói, eu sei que até você superar as coisas nada parece fazer sentido. Depois de uma decepção a gente sempre tenta encontrar a melhor forma de se proteger e evitar novos machucados, às vezes a gente acha que se escondendo do amor evitamos novos riscos, a gente começa a acreditar que construindo um muro ao redor da gente é mesmo a melhor opção. Mas nada disso vai passar se você insiste em manter ai dentro, sabe? É normal a gente voltar pro casulo e só sair de lá quando a gente se sentir realmente confortável novamente. Entra no teu casulo, mas não demora muito, menina. Do lado de fora tem muito pra se admirar. Do lado de fora tem muita gente interessante e disposta a te fazer bem. A vida tem disso, algumas situações acontecem pra fortalecer a gente. Um conselho: desapegue de quem te machuca. Uma verdade: nem sempre é fácil desapegar. Mas
 entenda, menina, alguém que te procura quando quer pra matar a carência, não merece o teu amor. Alguém que aparece somente pra te confundir e complicar a tua vida, não merece fazer parte dela. 


Deixe a sua força, sugestão ou o seu conselho sobre esse desabafo nos comentários abaixo!

Leia também:

2 Comentários:

Anônimo disse...

Fique bem, isso vai passar, uma hora passa, é sério. É difícil você se entregar e descobrir mentiras. Não começamos um relacionamento com ninguém pra terminar, ao contrário, queremos e fazemos o possível pra que dê certo. Mas isso não depende só de você; relacionamento é dar e receber. Honestamente, relacionamento são difíceis, mas não tem que ser tão difícil assim. Tire um tempo pra você, viaje, distraia, descubra outras coisas, ou melhor, descubra um pouco mais de você. Vivemos tanto tempo mas ainda há muitas coisas que não sabemos de nós mesmo. Aí está uma oportunidade de colocar isso em prova. Sinceramente, conhecemos as pessoas por suas atitudes, contra fatos, não há argumentos. Sei que é difícil "parar de falar" de um dia pro outro, mas comece fazendo isso aos poucos. Uma hora você verá que parou de falar com ele e isso não te fez falta. Acredite: você encontrará alguém que te fará entender o por quê os outros não deram certos e, honestamente, você irá agradecer por não ter dado certo, mesmo. Não tenha medo de descobrir um novo amor, há tantas coisas boas que as pessoas podem te oferecer. Não se doe pra alguém que não queira estar perto de você, com alguém que te faz mais chorar do que sorrir, com alguém que te faz perguntar se vale mesmo a pena. Se você começou a se fazer essas perguntas, talvez já tenha deixado de ser amor há muito tempo. Lembre-se: o plantio é opcional, mas a colheita é obrigatória. Você não pode mudar o ontem e nem prever o amanhã, mas hoje você pode escolher o que plantar. E caso alguém te faça sofrer mesmo você não merecendo, tudo bem, esquece, deixa pra lá. Cada um dá o que pode. Cada um oferece o que transborda. Fique bem! Tenha fé! As coisas darão certo. Certeza! :)

juliana disse...

oi gostaria de contar minha historia